Tag: camboriú

Encerra nesta quarta a campanha Armas, Nem de Brincadeira

65c3b8eeeb3afb8f577918c7efff858a

Nesta quarta-feira, dia 16, encerra a Campanha Armas, Nem de Brincadeira, iniciada no mês de agosto, que teve como foco o desarmamento infantil. Ao todo, mais de 800 armas de brinquedo e CDs/DVDs de jogos violentos foram arrecadados.

“Podemos dizer, com certeza, que a 3ª edição da campanha foi um sucesso. Arrecadamos um grande número de brinquedos que fazem alusão à violência e o melhor, entregamos para os pequenos livros infantis que contribuirão para o desenvolvimentos educacional deles”, comentou o Coordenador do Núcleo de Prevenção às Drogas e a Pedofilia, Manoel Mafra.

A partir das 14h dessa quarta-feira, no Centro Esportivo e Cultural Vereador Luís Augusto Ribeiro, em frente à Escola Abalor Américo Madeira, será feita a destruição simbólica do material coletado, que será enviado para a reciclagem. O evento ainda contará com apresentações artísticas do Grupo Latarte e do Projovem Adolescente, que irá realizar uma apresentação teatral.

A campanha contou com a parceria entre as Secretarias de Desenvolvimento e Assistência Social, Educação, o Núcleo de Prevenção às Drogas e a Pedofilia, e o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS).

 

Nesta quarta-feira, dia 16, encerra a Campanha Armas, Nem de Brincadeira, iniciada no mês de agosto, que teve como foco o desarmamento infantil. Ao todo, mais de 800 armas de brinquedo e CDs/DVDs de jogos violentos foram arrecadados.

“Podemos dizer, com certeza, que a 3ª edição da campanha foi um sucesso. Arrecadamos um grande número de brinquedos que fazem alusão à violência e o melhor, entregamos para os pequenos livros infantis que contribuirão para o desenvolvimentos educacional deles”, comentou o Coordenador do Núcleo de Prevenção às Drogas e a Pedofilia, Manoel Mafra.

A partir das 14h dessa quarta-feira, no Centro Esportivo e Cultural Vereador Luís Augusto Ribeiro, em frente à Escola Abalor Américo Madeira, será feita a destruição simbólica do material coletado, que será enviado para a reciclagem. O evento ainda contará com apresentações artísticas do Grupo Latarte e do Projovem Adolescente, que irá realizar uma apresentação teatral.

A campanha contou com a parceria entre as Secretarias de Desenvolvimento e Assistência Social, Educação, o Núcleo de Prevenção às Drogas e a Pedofilia, e o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS).

Morre Gilberto Laffitte

o empresario com a esposa Vanda Laffitte

o empresario com a esposa Vanda Laffitte

Faleceu na madrugada desta segunda-feira, 14 de outubro, no Hospital do Coração, em Balneário Camboriú, Gilberto Laffitte, 57 anos. O empresário estava internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) desde a última sexta-feira, vítima de um infarto. Na noite de domingo, 13, teve alta da UTI por apresentar melhoras. Faleceu horas depois.

Gilberto Laffitte, um dos proprietários da G. Laffitte Empreendimentos Imobiliários, com matriz em Curitiba e filial em Camboriú, deixa esposa, Vanda Laffitte, com quem era casado há 26 anos, quatro filhos e netos.

O velório acontece no pavilhão dos Gideões, em Camboriú até as 16h. Depois o corpo do empresário  será levado para Curitiba, onde será sepultado.

Hospital de Camboriú pede ajuda à comunidade

hospital camboriu

 

Com uma nova diretoria e um novo conselho deliberativo, há  três meses, a Fundação Hospitalar de Camboriú  tenta, sem sucesso, dar prosseguimento aos trabalhos médicos, já interrompidos algumas vezes na gestão passada.  Há algumas semanas a maternidade fechou as portas para o atendimento ao Sistema Único de Saúde – SUS, realizando apenas partos particulares. “O que motivou o fechamento foi a demissão do pediatra, por estar com seus salários atrasados”, justificou na época a diretora administrativa, Margarete Cadore.

Sem possibilidade de buscar verbas de âmbito estadual ou federal, por  ter o CNPJ negativado, a Fundação, através de seu conselho deliberativo, resolveu apelar para a ajuda da população de Camboriú e, através de uma campanha, angariar fundos por doações no talonário de água de cada residência. “Ao todo são 22 mil faturas da água. Isso nos daria condições para reabrir a maternidade e colocar o hospital para funcionar de forma correta”, diz um dos membros do Conselho, o representante da entidade APAE, Ricardo Garcia.

Apesar de ser filiado e presidente do diretório municipal do Partido Progressista (PP), que compõe a base do governo tucano, Ricardo Garcia garante que o conselho deliberativo não tem envolvimento político. “Não somos vinculados  a nenhum partido político. Queremos estar totalmente separados da política. Podemos fazer convênio com outras empresas, mas não queremos vínculo com nenhum político, nem com a Prefeitura”, esclarece ele.

“Queremos dizer à população de Camboriú que hoje é uma nova realidade. O dinheiro que entra para o hospital é gerido pela Fundação”, garante a advogada Jucélia Vinholi Monteiro, membro do Conselho como representante da OAB de Camboriu.

Os  representantes, que tem entre eles o presidente da CDL da cidade, empresário Nelson Pereira, estão estudando uma campanha para esclarecer à população a importância de doar uma quantia em espécie ao hospital. “O hospital não tem condições de se manter. E não estamos falando em dívida do passado, mas nas despesas atual. Hoje é necessário cerca de R$ 50 mil por mês para manter o hospital aberto, diz Garcia.

Os conselheiros dizem que doação é uma nova concepção de administrar o hospital. “Daqui a pouco teremos que fazer manutenção e melhorias. A maternidade aberta 24horas custa em média R$ 60 mil mensal. A população tem que ter consciência de que a situação é gravíssima e que se toda a população não abraçar a causa, não teremos como continuar. Por enquanto só fechamos a sala de parto, mas se não houver a adesão da comunidade, o hospital será fechado e entregaremos ao Miinistério Público”, finaliza Jucélia.

 

Xande deixa o ninho por mágoas e desentendimentos internos

IMG_0261

 

O vereador Carlos Alexandre, o popular Xande, deixou esta semana o ninho dos tucanos de Camboriú. O anúncio de que deixaria o partido já havia sido feito há algum tempo, mas Xande esperou a homologação da nova sigla no Estado, o Solidariedade – 77, para oficializar o desembarque. Caso o vereador saísse  para outra sigla já existente, perderia seu mandato de vereador.

Xande não esconde as mágoas com a antiga sigla e diz que sua saída foi motivada “por descontentamento e brigas internas”; referindo-se principalmente ao retorno da vereadora Márcia Freitag à Secretaria de Saúde e ao secretário da Água, Miranda, porque, segundo o vereador, “foi quem exigiu a volta da Márcia para a Saúde”.

Em relação à prefeita Luzia Coppi Mathias, Xande tece agradecimentos mas também diz ter mágoas: “Só tenho a agradecer à Luzia pelo apoio dado à minha trajetória dentro do partido; mas tenho grande mágoa por ela não ter me dado respaldo em relação a Márcia. Tudo isso sufocou e cheguei ao meu limite”, declara.

Xande está na Política e no PSDB desde 2003. Em sua primeira eleição, em 2012,  elegeu-se com 675 votos e assumiu a Câmara como líder do governo. Com o regresso da vereadora Márcia Freitag (PSDB) à Saúde Municipal, Xande deixou a liderança do partido na Câmara e fez ameaças à administração Tucana, entre elas de criar a CPI da Saúde, fato que não aconteceu.

Novos Projetos

 

Já oficializado no Solidariedade Xande anuncia sua candidatura a deputado estadual em 2014. “Esse fator também colaborou para minha saída. Não teria espaço para candidatar-me no PSDB, porque a prefeita Luzia sempre deixou claro que seu apoio seria para a reeleição do deputado Dado Cherem (PSDB), que é de Balneário Camboriú”.

O Vereador diz que ser deputado estadual é um projeto e, quando questionado sobre uma futura candidatura a prefeito de Camboriú ele sorri e diz: “Esse é meu maior sonho. Sou político, e como político quero governar minha cidade. Mas ser deputado estadual é um degrau que alcançado, pode ajudar muito a nossa cidade”.

O Solidariedade é um partido fundado em São Paulo, com o objetivo de renovação e, o Vereador garante que já tem cerca de 100 lideranças políticas que ingressarão na sigla com o intuito de renovar a política camboriuense. “Acredito que a mudança política iniciou em Camboriú após a eleição de 2012, porque o resultado dessa eleição a gente acompanha na Câmara.

Xande declara que apesar de estar fora do PSDB acredita no governo Luzia Coppi, “com exceção de alguns secretários”, frisa ele; mas que não vai hesitar em nenhum momento em ser contra atos da administração que não estejam a favor do povo. “Quero o bem de Camboriú e vou defender tudo o que for bom para a cidade. Já não faço parte da base do governo, o que significa dizer que não vou mais sentar para discutir nada com eles. Mas o que eu ver que é bom para o município, terá minha aprovação, sempre”, declara ele frisando que estará atento aos atos de alguns secretários, referindo-se aos de seu desafeto.

Justiça

 

 

Espaco espaco expresso

 

Parece que o vereador tucano Pedro ficou ofendido com minha última coluna, quando chamei o projeto dele para levar os medicamentos de uso contínuo e de pessoas necessitadas nas residências, de alienado e demagogo. Chamei o projeto e não ele. Chamei e ratifico, já que no município há falta de medicamentos básicos.

E na ofensa, o vereador apelou para as redes sociais e registrou que eu me “escondo atrás de um computador para caluniar”. Bom, vamos por parte: não me escondo atrás de computador nem de ninguém. Assino tudo que escrevo e respondo por tudo que assino.

E calunias? Não, vereador. O senhor se perdeu nessa. Calúnia é o senhor dizer que  me “escondo para caluniar”.

A Justiça é para todos.

 

Agricultura

E por falar no vereador, esta semana o clima esquentou entre os nobres edis. Xande  quer repassar 300 mil para agricultura para que seja reduzido a hora/ máquina para os agricultores. Mas o”querer do Xande” esbarrou na negativa dos vereadores  Zeca Simas (DEM) e Zé Pedro (PSDB) que afirmaram durante a sessão que os agricultores não precisam disso, pois a Secretaria da Agricultura tem máquinas novas.

Bom de que adianta ter máquinas novas se o agricultor tem que arcar com o pagamento de R$ 49 a hora? E o vereador Zé Pedro foi secretário de Agricultura.

 

 

Abuso

A ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, pré-candidata pelo PT ao Senado em Santa Catarina, tem utilizado em suas andanças pelo Estado um helicóptero da Polícia Rodoviária Federal destinado à remoção de vítimas de acidentes e tragédias naturais. A informação foi divulgada pelo jornal “Correio Braziliense” nesta 2ª feira, 7 de outubro.

A aeronave conveniada ao Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência), única do Estado preparada para o resgate de vítimas, é equipada com maca, tubo de oxigênio e materiais de primeiros socorros. Quando está à disposição de Ideli, os equipamentos são retirados e a escala de atendimento é suspensa.

O levantamento feito pelo “Correio” mostra que a ministra usou o helicóptero para eventos não relacionados à finalidade de sua pasta, que é cuidar da articulação política entre governo e Congresso. O Bell 407 da Polícia Rodoviária foi requisitado para levá-la a entregas de casas, inaugurações de obras, lançamento de projetos e participação em formatura de bombeiros.

Fonte: Blog do Fernando Rodrigues

 

Tucana

Acredito que tenha sido um baque para a Tucana a saída do vereador Xande do PSDB. É mais um que escapole entre seus dedos. Xande sempre defendeu o governo na Câmara, mas sempre se impôs. Tem discurso, vontade e garra. Com certeza fará falta na bancada, e já declarou que se está fora do “grupo” será severo em aprovar apenas o que é de interesse e produtivo para a cidade. Isso significa que os vereadores da realeza terão resistência, já que ele declarou que “não vai mais sentar com eles para discutir”. Agora “o jogo” promete ficar bom.

 

Xande

Em entrevista ao Expresso Xande se disse bastante grato ao apoio do ex-governador Leonel Pavan. Dizem as “más línguas” que Xande é o candidato do Pavan. Fica difícil de entender tais mudanças já que o Vereador garantiu que será candidato a deputado estadual no próximo pleito e concorrerá com o tucano já veterano Dado Cherem. Se Pavan apóia o Xande, significa dizer que não apoiará o candidato de seu partido? A não ser que Leonel Pavan também já esteja alçando vôo para longe do ninho.

 

Um tucaninho me contou…

…que o ciúme é geral dentro do Palácio de Vidro devido o destaque que o vereador Xande vem tendo na mídia e no meio político. Será?

 

Cheias

A Prefeitura de Camboriú desempenha alguns serviços, na busca de minimizar os problemas com alagamentos que atingem alguns bairros da cidade em períodos de fortes chuvas. Nesta sexta-feira, dia 11, iniciou o trabalho de desassoreamento dos canais de drenagem pluvial no Bairro Santa Regina.

O serviço que começou na Rua Damasco irá seguir para outras localidades do Santa Regina. O objetivo é que os canais de drenagens pluviais sejam limpos, permitindo que haja uma boa vazão para o escoamento e não ocorram alagamentos com poucos volumes de chuvas. De acordo com a Defesa Civil, a ação irá beneficiar também algumas localidades do Centro como a Avenida Minas Gerais.


Provided by orange county short sale specialist