Tag: lixo

Mato continua alto nos terrenos baldios de Camboriú

alvo de denúncias anteriores, terreno da rua Jerusalém, bem em frente a uma obra da Prefeitura, permanece sujo e com o mato alto.

alvo de denúncias anteriores, terreno da rua Jerusalém, bem em frente a uma obra da Prefeitura, permanece sujo e com o mato alto.

Mato, lixo, caramujos e outros bichos habitando terrenos baldios é uma reclamação constante da população, principalmente nos bairros, de Camboriú. O terreno que fica na esquina da rua Jerusalém, no bairro Santa Regina (foto) já foi alvo de denúncia pelos moradores no início de janeiro, sem que a Prefeitura tomasse qualquer medida, desrespeitando Lei municipal sancionada pela prefeita Luzia Coppi em 2009.

De acordo com a lei 2012/2009, sancionada pela prefeita Luzia Coppi Mathias, em junho do mesmo ano, a Prefeitura, de posse da denúncia, deve notificar o proprietário e se esse não limpar, cabe a Prefeitura limpar e cobrar os serviços ao proprietário.

O secretário de Obras, o vereador licenciado Jaquinho, PSDB, declarou que a notificação é feita pela Secretaria de Finanças, mas que quando é passado para a Obras é limpo imediatamente. “ Limpamos conforme a secretaria de finanças encaminha” declara ele atestando que “esse terreno da rua Jerusalém já foi limpo mais de uma vez, mas a população joga lixo”; e quando questionado em relação ao mato alto ele responde: “no verão o mato cresce muito rápido”. O Secretário diz que hoje ele tem cerca de sete terrenos apenas notificados e já encaminhado para limpeza.

“S´este ano já fizemos 41 notificações e
DISPÕE SOBRE A CONSERVAÇÃO E LIMPEZA DE TERRENOS BALDIOS E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE CAMBORIÚ, Estado de Santa Catarina, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei, FAZ SABER que a Câmara de Vereadores aprovou e ela sanciona a seguinte Lei:

Art. 1º Os proprietários, possuidores ou titulares de domínio útil a qualquer título de terrenos baldios localizados na zona urbana ou de expansão urbana do Município são obrigados a conservá-los e mantê-los limpos, eliminando o acúmulo de mato, detritos, águas estagnadas, bem como de quaisquer outros dejetos prejudiciais à saúde e à segurança pública.

Parágrafo Único – Não se incluem na obrigação prevista no caput deste artigo as áreas de preservação permanente ou que, de qualquer forma, sejam protegidas por lei.

Art. 2º Constatado o não cumprimento das obrigações previstas no artigo 1º desta Lei, será o proprietário, possuidor ou titular de domínio útil a qualquer título de terreno baldio notificado, e terá o prazo inicial de 30 (trinta) dias para satisfazê-las, contados do primeiro dia útil subseqüente da notificação.

§ 1º Decorridos os 30 (trinta) dias da notificação, em caso de seu descumprimento, o proprietário, possuidor ou titular de domínio útil a qualquer título será autuado com multa no valor de 30 (trinta) UFM.

§ 2º A partir da autuação o proprietário, possuidor ou titular de domínio útil terá 30 (trinta) dias para efetuar o pagamento.

Art. 3º Aplicada a multa, independentemente de pagamento, o Município poderá providenciar a execução dos serviços necessários à limpeza do terreno, realizando a cobrança

Um tucaninho me contou…

Espaco espaco expresso

…que após uma prolongada férias a Tucana promete voltar com a corda toda e iniciar uma verdadeira “ciranda administrativa”. Segundo o tucaninho não há nada de empolgante nem de novo, apenas troca troca ou seja, as peças do governo, assim  como num tabuleiro de xadrez, têm suas direções definidas pela Rainha.

 

Um tucaninho me contou …II

…que muitos “peões” não estão nada satisfeitos com as trocas e substituições. Segundo a avezinha fofoqueira, mas antenada, muitas peças retornam ao lugar de onde vieram há tempos atrás. O tucaninho disse ainda que o imexível periga retornar ao cargo anterior, porque  a realeza não ficou satisfeita com a substituição.

E ai o tucaninho me contou um detalhe: que aquele que hoje ocupa uma cadeira (que não é dele de direito, mas foi lhe dada por consolo) em outro poder, mas que já governou as máquinas e caminhões do Município, está de pires na mão, só esperando a Rainha voltar à torre do Palácio de Pedras, para solicitar novamente o carguinho de secretário. Mas segundo a avezinha a Tucana já descartou essa possibilidade.

 

Política

Quando se leiloa um governo corre-se o risco de não se fazer uma boa administração. Capacidade administrativa não falta à Tucana. Talvez esteja faltando nessa gestão vontade política, por conta da verdadeira “colcha de retalhos” que tornou-se o governo atual. A Tucana corre atrás de verba, tem bom relacionamento em Brasília e entende como ninguém de administração pública. Há quem diga que ela vai reagir e fazer a “coisa” acontecer. Tomara! Até porque esse é ano político que a tucanada de plumas mais nobres está esperando e contando com os votinhos nas urnas.

 

Ciranda Administrativa

Até onde o tucaninho me confidenciou, a Tucana chega no Palácio de Pedras já com o “novo” governo definido. Segundo a avezinha, que muito raramente dá uma ou outra “bola fora”, as trocas seriam na secretaria de Obras, Meio Ambiente, Administração. E nessa mexida periga ter suplente voltando a colocar o pijama.

 

Água

Foi noticiado que o vice-Zé Branco estaria preocupado em resolver o problema de falta de água na terrinha. Reuniões, fotinhos publicadas na imprensa com a divulgação de alguns vereadores da corte…Mas água nas torneiras que é bom, nada! Esta semana fiquei sem água da rua três dias, não consecutivos. Fico pensando nas pessoas que não têm caixa d’água em casa, até por falta de condições financeiras, mas arcam com a despesa (alta) da tarifa de água.

Se a conta é paga o produto tem que estar à disposição. Isso é certo. A verdade é que a falta de água em Camboriú não é fruto de problema técnico nem aumento da demanda, é DESCASO por parte da Prefeitura e dos nossos vereadores, que curtem férias de verão e não tão a fim de se incomodar.

 

Água II

E por falar em férias…enquanto o povo da terrinha amarga problemas como falta (diária) de água, má recolhimento do lixo, poeira, pó…a Tucana posta fotos nas redes sociais ostentando sua estada em Miami com toda família. Nada de errado viajarem e curtirem férias, mas fica feito mostrar, via social, total descaso com os problemas da cidade para qual foi eleita para governar. Isso me lembra a véspera de Natal quando a população de Camboriú, preparando a ceia natalina, se virava sem água e a Tucana e a turma da realeza  postava fotos nas redes sociais ostentando farras na piscina real.  Nem tudo precisa ser compartilhado, ou pode parecer  deboche.

 

E o tucaninho me disse ainda…

…que tem político no reino que se curvou o quanto pode para ver se, entre outras vantagens, conseguia o apoio (prometido) da realeza a sua possível candidatura a deputado estadual . Quero só ver agora, na hora da “onça beber água”, quem a Tucana apoia, o traíra político da terrinha ou o veterano tucano Dado Cherem, que sempre ajudou Camboriú com verbas públicas e é candidatíssimo à reeleição.

 

E o tucaninho me disse ainda…II

…que tem gente nova  surgindo na política da terrinha e que periga se eleger frouxo no próximo pleito municipal. Ainda com seu nome correndo nos bastidores da política, essa pessoa pode vir para realmente fazer “a coisa acontecer” e mudar radicalmente a vida de Camboriú. Competência e seriedade não lhes falta.

 

 

 

 

 

 

Um tucaninho me contou…

Espaco espaco expresso

…que após uma prolongada férias a Tucana promete voltar com a corda toda e iniciar uma verdadeira “ciranda administrativa”. Segundo o tucaninho não há nada de empolgante nem de novo, apenas troca troca ou seja, as peças do governo, assim  como num tabuleiro de xadrez, têm suas direções definidas pela Rainha.

 

Um tucaninho me contou …II

…que muitos “peões” não estão nada satisfeitos com as trocas e substituições. Segundo a avezinha fofoqueira, mas antenada, muitas peças retornam ao lugar de onde vieram há tempos atrás. O tucaninho disse ainda que o imexível periga retornar ao cargo anterior, porque  a realeza não ficou satisfeita com a substituição.

E ai o tucaninho me contou um detalhe: que aquele que hoje ocupa uma cadeira (que não é dele de direito, mas foi lhe dada por consolo) em outro poder, mas que já governou as máquinas e caminhões do Município, está de pires na mão, só esperando a Rainha voltar à torre do Palácio de Pedras, para solicitar novamente o carguinho de secretário. Mas segundo a avezinha a Tucana já descartou essa possibilidade.

 

Política

Quando se leiloa um governo corre-se o risco de não se fazer uma boa administração. Capacidade administrativa não falta à Tucana. Talvez esteja faltando nessa gestão vontade política, por conta da verdadeira “colcha de retalhos” que tornou-se o governo atual. A Tucana corre atrás de verba, tem bom relacionamento em Brasília e entende como ninguém de administração pública. Há quem diga que ela vai reagir e fazer a “coisa” acontecer. Tomara! Até porque esse é ano político que a tucanada de plumas mais nobres está esperando e contando com os votinhos nas urnas.

 

Ciranda Administrativa

Até onde o tucaninho me confidenciou, a Tucana chega no Palácio de Pedras já com o “novo” governo definido. Segundo a avezinha, que muito raramente dá uma ou outra “bola fora”, as trocas seriam na secretaria de Obras, Meio Ambiente, Administração. E nessa mexida periga ter suplente voltando a colocar o pijama.

 

Água

Foi noticiado que o vice-Zé Branco estaria preocupado em resolver o problema de falta de água na terrinha. Reuniões, fotinhos publicadas na imprensa com a divulgação de alguns vereadores da corte…Mas água nas torneiras que é bom, nada! Esta semana fiquei sem água da rua três dias, não consecutivos. Fico pensando nas pessoas que não têm caixa d’água em casa, até por falta de condições financeiras, mas arcam com a despesa (alta) da tarifa de água.

Se a conta é paga o produto tem que estar à disposição. Isso é certo. A verdade é que a falta de água em Camboriú não é fruto de problema técnico nem aumento da demanda, é DESCASO por parte da Prefeitura e dos nossos vereadores, que curtem férias de verão e não tão a fim de se incomodar.

 

Água II

E por falar em férias…enquanto o povo da terrinha amarga problemas como falta (diária) de água, má recolhimento do lixo, poeira, pó…a Tucana posta fotos nas redes sociais ostentando sua estada em Miami com toda família. Nada de errado viajarem e curtirem férias, mas fica feito mostrar, via social, total descaso com os problemas da cidade para qual foi eleita para governar. Isso me lembra a véspera de Natal quando a população de Camboriú, preparando a ceia natalina, se virava sem água e a Tucana e a turma da realeza  postava fotos nas redes sociais ostentando farras na piscina real.  Nem tudo precisa ser compartilhado, ou pode parecer  deboche.

 

E o tucaninho me disse ainda…

…que tem político no reino que se curvou o quanto pode para ver se, entre outras vantagens, conseguia o apoio (prometido) da realeza a sua possível candidatura a deputado estadual . Quero só ver agora, na hora da “onça beber água”, quem a Tucana apoia, o traíra político da terrinha ou o veterano tucano Dado Cherem, que sempre ajudou Camboriú com verbas públicas e é candidatíssimo à reeleição.

 

E o tucaninho me disse ainda…II

…que tem gente nova  surgindo na política da terrinha e que periga se eleger frouxo no próximo pleito municipal. Ainda com seu nome correndo nos bastidores da política, essa pessoa pode vir para realmente fazer “a coisa acontecer” e mudar radicalmente a vida de Camboriú. Competência e seriedade não lhes falta.

 

 

 

 

 

 

Férias

Espaco espaco expresso

Enquanto boa parte do poder público de Camboriú está de férias os problemas acumulam-se, assim como o lixo nos portões das casas, pelo péssimo serviço de coleta feito na cidade;  a louça empilha-se nas pias das cozinhas pela constante falta de água; o pó e lama sufocam as pessoas moradoras dos bairros…e paga-se caro para que todos esses serviços fossem de primeira.

Mas o que fazer quando a prefeita da cidade, em meio ao caos do fim do ano, pela falta de água, freqüentes quedas de energia elétrica e falta de recolhimento do lixo por falta de material humano anuncia férias e vira as costas para todos esses problemas.  Não questiono, nem por um momento, a competência do vice Zé Branco, mas no meu ver é falta de comprometimento da Tucana abandonar o barco em meio à tempestade. Mas isso é só o que penso.

 

Férias II

E não só da Tucana. Pergunto onde estão os vereadores de Camboriú, que em momento de crise também anunciam férias. Para um cargo eletivo, fica até mal esse tipo de frase, como escutei de um vereador: “Estou de férias!”. Será que na hora de gozar das regalias e vantagens de ser uma autoridade constituída os vereadores também se dizem de férias? Sei dizer que por tudo que escuto pelas ruas de Camboriú, o povo está cansado desse pouco caso por parte de nossas autoridades. Ai, pergunto eu: Será que em janeiro de 2016 nossos “nobres” edis também estarão afastados em férias ou estarão pelas ruas, em plena campanha?

 

E por falar em campanha…um tucaninho me contou…

Que a campanha para o pleito deste ano já está pegando fogo e tem tucano que está preocupado com uma possível ascensão da ave balnear. Segundo o tucaninho a ave está cotada para concorrer a um dos mais altos cargos do estado, em outubro, e para isso deve afastar-se de seu cargo em abril próximo.
Se t

Do isso se confirmar, tucaninho, vai ser um rebuliço na política da cidade vizinha. Pode apostar.

 

Eleição

Em pleno ano político ainda tem candidato a pré-candidato com partido indefinido. Como dizer-se em campanha e pior, já eleito, se nem há base eleitoral?

Bom, a verdade é que muita água ainda rola embaixo da ponte até julho deste ano, mas uma coisa é certa, esse descaso com a população de Camboriú pode prejudicar demasiadamente a campanha da tucanada da região e ai penas podem voar.

 

IPTU

E por falar em falta de água, péssimo serviço de recolhimento de lixo, barro e pó, inicia na segunda-feira, 20, a entrega dos carnês do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), referente ao ano de 2014, que vem com o acréscimo de 5,8%. Neste ano, pela primeira vez, a emissão da fatura pode ser feita via internet. Nesse caso o contribuinte deve acessar o site da prefeitura e procurar pelo link IPTU 2014.

O contribuinte pode escolher duas formas de pagamento: parcela única ou parcelado. Os que optarem por parcela única receberão 15% de desconto se efetuarem o pagamento até 14/02 e 10% de desconto até 14/03. A parcela única também poderá ser paga até 14/04 no seu valor original.

O parcelamento será feito conforme o valor que cada contribuinte paga. A parcela não pode ser menor que a soma de três Unidades Fiscais Municipais (UFM), que é de R$ 74,49 na cidade. O prazo de vencimento à vista ou da primeira parcela será dia 14 de fevereiro.
 

 

Esgoto BC

A Emasa recebeu neste dia 15 a Licença Ambiental Instalação (LAI), liberada pela Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina (Fatma) que legaliza as obras de ampliação de 56 quilômetros da rede coletora de esgoto doméstico da cidade, implantados nos últimos cinco anos. Trata-se do Programa Esgoto 100%, que inclui, além da rede, estações elevatórias e linhas de recalque que atendem a região central e as Praias Agrestes.

Todo o projeto já está implantado, à exceção das estações elevatórias dos bairros da Barra e Municípios e dois trechos de recalque, um na passagem inferior da BR-101 entre os bairros da Barra e Nova Esperança e outro na Vila Real, para receber a contribuição do Bairro dos Municípios, passando pela rua Dom Daniel.

 

Esgoto BC II

As estações elevatórias são distribuídas ao longo dos interceptores e da rede coletora e são destinadas a elevar os esgotos visando à redução de profundidade das tubulações, com bombas do tipo submersível. De acordo com a Lei Municipal 3.087/2010, em seu artigo 1º, “toda edificação residencial, comercial e industrial, além dos condomínios particulares horizontais situados em logradouros, cujas redes públicas de coleta de esgoto já foram implantadas e o sistema de tratamento esteja em operação deverão ser obrigadas a ligarem os ramais prediais às mesmas”. As ligações devem ser feitas diretamente nas caixas de inspeção existentes nas calçadas, junto ao passeio público.

Essa lei determina, ainda, que os comércios e indústrias localizados em imóveis onde a rede já exista e o sistema de tratamento esteja em operação, somente receberão alvarás de funcionamento, ou sua renovação, após cumprir a lei. De outra parte, a lei determina, também, que é proibida a ligação de águas pluviais na rede pública de coleta de esgoto sanitário, podendo a Emasa multar os transgressores em três UFMs (R$ 209,56 x 3), sem prejuízo de ação judicial devida.

 

 

Bafão!

Espaco espaco expresso

Varias lideranças de bairros estão se movimento para cobrar da prefeitura melhoras na estrutura da água e do lixo. Segundo um dos moradores do Santa Regina, Jaime Angel, que esteve inclusive no palanque da Tucana na última eleição municipal, “a comunidade está cansada de tantas promessas e nada de soluções e está colocando a mão na massa para cobrar seus direitos”.

Uma dessas cobranças, segundo Jaime, que é uma das lideranças (não constituída) do bairro Santa Regina, é um abaixo assinado que está circulando em todos os bairros da terrinha e será encaminhado ao prefeito em exercício, Zé branco.

 

Bafão II

Os “manifestantes” querem entregar o abaixo assinado e uma lista com as reivindicações ao Prefeito na semana que vem, em reunião, mas pelo que soube está difícil achar uma brecha na agenda real. Ora, se há uma grande fatia da população descontentes, ao ponto de elaborar listas de reivindicações (mais uma vez) e iniciar um abaixo assinado, com centenas de assinaturas, cabe a “turma da torre do Palácio de Pedras abrir não uma brecha, mas uma reunião oficial para que, com calma, o Prefeito atenda a comunidade. E ainda lembro que esse tipo de atitude por parte da população mostra que o evento “Fala Camboriú” só serve mesmo para dar um dia de lazer pra turma do gargarejo.

 

Bafão III

Algumas das reivindicações e propostas do POVO:

“Soluções a curto e médio prazo para o problema da falta de água em Camboriu -

precisamos construir reservatórios em vários bairros para conter água e mais investimentos em uma central de tratamento de água para nossa cidade; assim como investir em soluções alternativas sustentáveis de captação de água como exemplo as águas da chuvas fazendo a captação em prédios públicos e incentivando os moradores a criarem seus próprios reservatórios de águas da chuva através de descontos em impostos.

 

Melhorias na coleta de lixo; paga-se  105 % de aumento na taxa de lixo e recebe-se um péssimo serviço. É necessário que a prefeitura tome uma postura mais rígida em relação a empresa terceirizada. O povo paga e exige um serviço de qualidade e não acúmulo de lixo nas casas e ruas, como vem se vendo em Camboriú.

Férias

A Tucana postou esta semana em rede social uma justificativa para suas férias: “Amigos, dois motivos me levaram a sair de férias: primeiro dar oportunidade ao meu Vice grande parceiro ; segundo foi o cansaço que tomou conta, afinal são nove anos de dedicação exclusiva ao nosso Município , seja como assessora ou agora prefeita”. Não sou contra férias, muito ao contrário. Acho que todos devem tirar 30 dias de férias. É necessário para que a pessoa se refaça física e mentalmente. Fui contra o período prolongado da Prefeita que estava com o Paço fechado, já em recesso desde o dia 21 de dezembro e anunciou férias prolongadas até o dia 2 de fevereiro. É matemática pura. Do dia 21 de dezembro a 2 de fevereiro somam  44 dias. Em relação a estar nove anos sem férias, também há um equivoco. A Tucana sempre tirou férias no mês de janeiro, deixando seu vice na Torre do Palácio.  Acho que em todo o período frente à administração, se ela não tirou férias uma ou duas vezes, foi muito.

 

Um galináceo me contou…

…que um frentão (todo ano antes de eleição eu escrevo isso) está se formando em Camboriú. Segundo o galináceo, que já prepara sua saída do terreiro do Galo para cantar em outra freguesia,


Provided by orange county short sale specialist