Tag: RUTH

Gestora da WFO acompanha CPI em visita técnica ao Ruth Cardoso

 

Nessa quinta-feira (10) a gestora da World Family Organization (WFO), dra. Deise Kuztra, acompanhou os integrantes da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), instalada em Balneário Camboriú, em visita técnica ao Hospital Municipal Ruth Cardoso. Foram ouvidos ainda no mesmo dia outros dois depoimentos, do assessor de imprensa da unidade de saúde Carlos Eduardo Mendonça, o Bolinha; e do ex-servidor do setor de compras da prefeitura Luiz Freitas.

Os integrantes da CPI, e vereadores Claudir Maciel, Dão Koddermann, Asinil Medeiros, Marcos Kurtz, Fabrício de Oliveira e José Carlos Hanníbal visitaram o hospital na companhia da equipe da WFO. Logo no início da inspeção houve uma falha, quando os visitantes entraram na ala da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) sem a devida higienização. Foram visitadas outras alas como Neonatal e sala de espera do pronto socorro, além de todas as outras salas do hospital.

Foram detectados pela dra. Deise Kuztra falhas no treinamento dos profissionais do hospital, salas improvisadas como depósito, lixo sem descarte que poderia gerar infecção hospitalar aos pacientes, imperfeições no sistema de drenagem, entre outros. A ideia é produzir um relatório técnico para dar uma contribuição sobre melhoramentos na estrutura da unidade de saúde.

No depoimento prestado durante à tarde, o ex-funcionário do setor de compras Luiz Freitas revelou que não foi o responsável por elaborar o edital para contratação da entidade Cruz Vermelha, como gestora do Hospital Ruth Cardoso. Como outros dois funcionários de compras, Rafael Carrara e o chefe do setor Rui Dobner também afirmaram à comissão que não elaboraram o contrato, o contrato não teria partido da prefeitura.

Já o assessor de imprensa da unidade de saúde negou que tenha sido responsável pelos gastos de R$ 7 mil com publicidade sem previsão contratual, Carlos Eduardo Mendonça, o Bolinha, também questionou a capacidade administrativa do atual interventor.

Emendas de Dado Cherem garantem recursos para os Hospitais Marieta e Ruth Cardoso

Duas emendas parlamentares do Deputado Dado Cherem garantiram, no Orçamento Estadual do Governo do Estado para este ano, recursos para o Hospital Marieta Konder Bornhausen (Itajaí) e para o Hospital Ruth Cardoso (Balneário Camboriú).

Os recursos para investimentos e custeio têm valor de R$ 4 milhões/ano para o Marieta e R$ 3 milhões/ano para o Ruth Cardoso.

As emendas parlamentares só foram possíveis graças a uma proposta do próprio Deputado Dado – aprovada pela Assembleia Legislativa em junho de 2010 – que retirou os servidores inativos da folha de pagamento da Secretaria da Saúde. Com essa decisão, sobram mais de R$ 100 milhões/ano para que a pasta invista em obras e ações em saúde pública.

Também foi possível porque, em 2011, os parlamentares catarinenses aprovaram o Revigorar, programa que destinará R$ 200 milhões para aplicações em saúde este ano.

Com esses dois aportes, a Secretaria de Estado da Saúde pode prever também ações de custeio (custos gerais que uma instituição tem para oferecer seu serviço/bem final) para os hospitais catarinenses, ação que não era possível até o momento pela falta de recursos.

Deputado Dado Cherem, que atuou como Secretário de Estado da Saúde por seis anos no governo Luiz Henrique da Silveira, ficou satisfeito com a decisão do Governo do Estado de acatar suas emendas, pois elas vão possibilitar que os dois hospitais consigam realizar serviços e investimentos para a população com mais tranqüilidade e segurança.


Provided by orange county short sale specialist